Por deliberação do Conselho Plenário do Conselho Superior da Magistratura, de 26 de fevereiro de 2019, foi aprovada a Política de Segurança da Informação do CSM.

A presente política visa estabelecer regras para uma proteção eficaz e adequada da informação e dos sistemas de informação contra quebras de confidencialidade, de integridade e de disponibilidade, garantindo a continuidade da actividade do CSM, promovendo a confiança de todos os utilizadores,  mediante o cumprimento das medidas técnicas e das obrigações decorrentes dos princípios gerais de segurança da informação.