A cada seis minutos, uma mulher ou rapariga é morta devido ao seu género

A campanha hoje lançada faz parte do Projeto FEM-UnitED, um projeto internacional financiado pela União Europeia, com a participação de 5 países: Portugal, Espanha, Alemanha, Malta e Chipre.

A Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto e a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta são as entidades portuguesas participantes.

Como parte do Projeto, foram realizadas reuniões de especialistas, para reflexão e definição de estratégias para a prevenção do femicídio, as quais o Conselho Superior da Magistratura integrou desde o início.

Através do lançamento desta campanha de sensibilização, pretende-se consciencializar o público e a sociedade para o femicídio e a importância de reconhecer o nome, as características e as bases estruturais deste crime.

Ao longo das próximas semanas serão divulgados novos vídeos, abordando tópicos diferentes deste mesmo tema.

Veja o vídeo desta semana aqui 

Lisboa, 21 de julho de 2022